Ir para o menu| Ir para Conteúdo| Acessibilidade Alternar Contraste | Maior Constraste| Menor Contraste

Instituto Mineiro de Gestão das Águas - IGAM

Monitoramento da Qualidade das Águas Superficiais do Rio Doce no Estado de Minas Gerais

PDFImprimirE-mail

O Instituto Mineiro de Gestão das Águas – Igam realiza o monitoramento da qualidade das águas na bacia hidrográfica do Rio Doce e em todo o Estado de Minas Gerais, por meio do Programa Águas de Minas, desde o ano de 1997. O monitoramento na Bacia Hidrográfica do Rio Doce contempla 64 estações de amostragem de água, onde são realizadas coletas e análises laboratoriais com periodicidade trimestral e avaliação de aproximadamente 52 parâmetros físico-químicos e hidrobiológicos. Dessas, 12 estações de monitoramento estão localizadas na calha do Rio Doce e possuem monitoramento mensal.

 

Em decorrência do rompimento da barragem de Fundão, de propriedade da Samarco Mineração S.A., no distrito de Bento Rodrigues, município de Mariana, o Igam intensificou o monitoramento já executado na bacia por meio da elaboração, na manhã do dia seguinte ao evento, de um plano de monitoramento emergencial da qualidade das águas e dos sedimentos dos principais corpos de água afetados pelo desastre. Este plano contemplou a seleção dos pontos, dos parâmetros e da frequência da coleta das amostras, com o objetivo de avaliar o grau de interferência dos recursos hídricos afetados, permitindo, ainda, a avaliação dos níveis de poluição e degradação ambiental.

As amostragens emergenciais foram realizadas em 14 estações de amostragem, localizadas nos rios Gualaxo do Norte, do Carmo e Doce. A seleção dos pontos de monitoramento teve o intuito de facilitar a interpretação dos resultados, uma vez que já existe série histórica robusta e seria possível uma comparação com os dados de monitoramento já realizado pelo Igam ao longo dos últimos anos.

O Igam permanecerá acompanhando a qualidade das águas no rio Doce pelo tempo que tecnicamente se mostrar necessário, bem como continuará dando ampla divulgação dos resultados sobre a qualidade das águas na região afetada da Bacia Hidrográfica do Rio Doce, por intermédio do Portal Infohidro (http://portalinfohidro.igam.mg.gov.br) e de seu site (http://www.igam.mg.gov.br/).

Acesse abaixo os relatórios e informativos relacionados ao acompanhamento especial da qualidade das águas brutas do rio Doce:

 

QUALIDADE DAS ÁGUAS DO RIO DOCE APÓS 2 ANOS DO ROMPIMENTO DA BARRAGEM DE FUNDÃO 

 

Tabela - Resultados do Monitoramento Especial do Rio Doce (NOVO)


Relatório de Dezembro de 2017 (NOVO)


Relatório de  Junho de 2017

 

Relatório de 17 de Março de 2017

 

Relatório de 19 de Outubro de 2016

 

Relatório de 01 de Agosto de 2016

 

Relatório de 20 de Maio de 2016

 

Relatório de 01 de Fevereiro de 2016

 

Relatório de 15 de Dezembro de 2015

 

Relatório de 30 de Novembro de 2015

 

Relatório de 17 de Novembro de 2015

 

Informativo Rio Doce - Setembro 2017

Informativo Rio Doce- Agosto 2017

Informativo Rio Doce - Julho de 2017

Informativo Rio Doce - Junho de 2017 

Informativo Rio Doce - Maio de 2017

Informativo Rio Doce - Abril de 2017

ENCARTE ESPECIAL SOBRE A QUALIDADE DA ÁGUA DO RIO DOCE APÓS O ROMPIMENTO DE BARRAGEM DA SAMARCO NO DISTRITO DE BENTO RODRIGUES

 

 

IGAM|

Rodovia João Paulo II, 4143, Bairro Serra Verde - CEP 31630-900
Todos os direitos reservados - Aspectos legais e responsabilidades